Quem Ri a Dois Ri Melhor

11/04/2016 • Ciência

Um adulto ri cerca de 15 vezes ao dia. Contudo, nem todos os risos são iguais. Aqueles que compartilhamos com amigos próximos são diferentes, defende a ciência.

Estudo publicado no periódico online PNAS, liderado pelo Dr. Gregory Bryant – da UCLA (EUA), exibiu imagens de duplas conversando a 996 participantes de 24 países diferentes. Ao final, os participantes deveriam indicar se as duplas eram formadas por estranhos ou amigos e o quanto as pessoas eventualmente alimentavam um sentimento de afeto genuíno. A acurácia nas respostas foi elevada, atingindo 67%.

Claro que sabemos o valor de uma boa gargalhada e sua capacidade de contaminar positivamente o meio, independente de barreiras culturais. Mas, a pesquisa pode indicar sua função na evolução da espécie, visto que quando compartilhado entre pessoas que se gostam, o riso informa a terceiros que ali existe intimidade, que aquelas pessoas são aliadas.

E de que riso estamos falando? Aquele espontâneo, que forma os chamados “pés de galinha” ao redor dos olhos. Então, quando me vir gargalhando por aí, existe chance grande de que eu esteja muito bem acompanhada.

Artigo publicado no Brasil Post/The Huffington Post
Imagem: Roaylty Free

Tags: , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *