De Quanto Você Precisa para Viver?

20/11/2015 • Estilo de Vida

Você já parou para pensar no que poderia descartar? Despesas fixas desnecessárias, roupas e outros itens que enchem os armários da casa, compromissos excessivos…A verdade é que estamos viajando pela vida com uma bagagem muito pesada e se engana quem acredita que não paga pelo excesso. Pagamos com tempo tudo que compramos – e tempo de trabalho é tempo de vida que não volta mais.

Há quase um ano decidi subir num tapete voador – metáfora que adotei em contraponto às âncoras que me imobilizavam. Descartei um estilo de vida inteiro: o status de empresária bem sucedida, o escritório sofisticado e o privilégio de ter secretária e assistentes. O que ganhei? Leveza, sentido e, acreditem, dinheiro. Uma vida pesada custa muito caro e, como se sabe, sobra pouco tempo para desfrutá-la.

Eu acredito plenamente que a matemática da era pós-digital é diferente: podemos trabalhar menos e ganhar mais, usando a hiper-conexão a nosso favor, ao invés de nos tornarmos escravos dela. Esta semana, estive com Madeleine Laksco e Thiago Uberreich, do Programa Radioatividade – da Jovem Pan, falando sobre viver com menos (clique no link abaixo para ouvir o bate-papo). Também caiu em minhas mãos, a incrível edição deste mês da revista Trip, que trata exatamente sobre esse tema.

O meu movimento pessoal reflete um fenômeno do nosso tempo: estamos descobrindo que a ideia de felicidade que compramos no passado está com a data de validade vencida.


Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *