Amizade Sincera: Um Santo Remédio

12/10/2016 • Destaque, Estilo de Vida, Psicologia Positiva

Neste Dia da Criança quero falar sobre o poder da amizade. Por que? Porque não há nada mais natural na infância do que fazer amigos. A pergunta é: em que ponto da estrada trocamos o natural instinto de fazer laços pelo hábito de estabelecer fronteiras? E por que algumas fronteiras precisam ser fortalezas, com muros de pedra e calabouço com crocodilos? Coisa esquisita que é crescer.

Crianças criam amigos imaginários. Adultos criam inimigos imaginários. E não se engane: um inimigo ocupa muito espaço. Carregá-lo é como carregar pedra e nem de longe vai dar na construção da tal catedral. Nada se constrói a partir do desejo de que o outro, em algum momento, caia do cavalo. Vale ligar a lanterna e lançar uma luz, mesmo tímida, sobre o risco de permitir que a mente nutra inimizades. Uma vida, quando sem sentido, pode fazer dos desafetos uma boa razão para seguir em frente. E esse é um grande perigo.

Por sua vez, amigos fazem bem à saúde. Quando contamos com uma bem cuidada rede de apoio afetivo temos riscos reduzidos para depressão, hipertensão, entre outros males. Na maturidade, a amizade é capaz de ampliar nossa expectativa de vida. Isso sem falar em todos os benefícios psicossociais que aporta ao longo da vida, como a necessária sensação de pertencimento.

Amigos, os verdadeiros, atravessam os desafios da vida adulta ao nosso lado. E também celebram nossas conquistas como se suas fossem. Estão por aqui se casamos, separamos, casamos novamente. Se apaixonam por nossos filhos, netos e, com sorte, bisnetos. Nos indicam para uma oportunidade de emprego, nos abraçam numa derrota profissional. Mais que tudo: nos contam quem somos quando a vida desbota nossa essência.

Hoje celebro a presença de meus amigos agradecendo à Gabi, que preenche todos os quesitos apontados pela Mayo Clinic sobre a adequada nutrição dos afetos: é positiva, escuta, demonstra que confia em mim, é confiável, está disponível apesar de sua agenda intensa. Na foto, o registro de uma viagem na qual voltamos a ser crianças.

Tags: , , , , , , , , , , , ,

4 Responses to Amizade Sincera: Um Santo Remédio

  1. Gabi disse:

    Que coisa mais linda essa homenagem! Me emocionei demais!!! Viva a amizade! O colorido da vida, o voltar a ser criança e a alegria nos momentos juntos e cheios energia positiva!!! Obrigada por ser e estar amiga, sempre do meu lado, mesmo que longe. Um beijo enorme

  2. Jose pedro disse:

    Muito bom seu artigo.

  3. Maria Lopes disse:

    muito bom o seu artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *